CEMAM CULTURAL é destaque no cenário artístico da cidade de Santos Dumont
Por Gustavo Sá Fortes
18/11/2013  às 16:03
Postado 18/11/2013  às 16:03

Como forma de incentivar ainda mais a cultura artística na cidade de Santos Dumont o

Centro Municipal Artístico Musical “Johann Sebastian Bach” realizou na última semana o CEMAM CULTURAL.

O evento que foi destaque na cidade entre os dias 11,12, 13 e 14 de novembro foi apresentado gratuitamente no Centro Cultural Paulo de Paula.

A atividade artística foi realizada em alusão as comemorações do Dia da Música, data que é celebrada no dia 22 de novembro.

 

Apresentações e apoio

Durante os dias do CEMAM CULTURAL vários alunos, instituições e músicos já consagrados deram sua graça no evento.

Participaram da grade de programação o NACA (Núcleo de Assistência à Criança e ao Adolescente), a Fundação Futuro Brasil, o Instituto “Joaquim Soares de Oliveira”, os músicos Marcos Motessi, David Santos, Eduardo Alberto (Dudu), Hélio Tadeu e as Fanfarras do CAIC e do Colégio Municipal Santo Antônio (Mestre Joãozinho).

Para realização dessa grande festa da música o CEMAM contou com o apoio da Prefeitura Municipal de Santos Dumont através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, Átomos Eletrônica, Sonora Publicidade e Eventos e músico sandumonense Juninho de Sá com o Projeto Minha História.

 

CEMAM

A história do Centro Municipal Artístico Musical “Johann Sebastian Bach” é um fato marcante na cultura da sociedade sandumonense.

De acordo com os registros, a concretização da fundação se deu no de 1968, quando o então vereador Antônio Fagundes de Faria, apoiado pelo Prefeito José Ferreira Gomes e a Secretária Municipal Marcília Queiróz Pinheiro, tomaram a iniciativa de convidar o professor de saxofone Nilo Costa, a professora de piano do Conservatório Estadual  “Haideé  França Americano, Maria Aparecida Ferreira e a recém formada pelo Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro, Thelma Augusta de Barros (Licenciada em Canto Lírico e piano), para juntos criarem um Conservatório nos mesmos moldes dos Conservatórios Estaduais que a cidade havia perdida anos atrás pela falta de iniciativa do governo municipal.

Dado o primeiro passo, foi criado um estatuto para registrar a entidade num cartório, que ocorreu em Belo Horizonte. Para isso foi escolhido o nome “Johann Sebastian Bach” em homenagem àquele que é considerado o “pai da música”.

Até o ano de 2007 a escola era considerada um Conservatório Musical e desde o ano de 2008 passou a ser uma escola de curso livre e denominada Centro Municipal Artístico Musical, hoje sobre a direção de Klecius Chaves.

 

Para maiores informações visite a sede do CEMAM localizada na Rua Coronel Severiano Resende, n°87, bairro das Flores ou através de sua rede social (www.facebook.com/pages/CEMAM-Centro-Municipal-Artístico-Musical-SD-MG/139489069455157).

 

Confiras as fotos em nossa GALERIA DE EVENTOS – CLIQUE AQUI

 

FONTE:

- Professor Fabiano Ferreira

- Klecius Chaves

Comentar
© 1997 - 2014 Todos os direitos reservados a Cabangu Internet LTDA.
Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.
Desenvolvido em Wordpress por Rodrigo Brandão.